Qualidade da oratória é diferencial em processos de seleção e promoção em empresas

Consultora empresarial afirma que as oportunidades são dadas prioritariamente a quem tem mais capacidade para se expor e ser bem entendido; cursos ajudam a melhorar performance na comunicação

Um discurso realmente bom é algo que consegue mexer com a gente. Se procurarmos pela internet, facilmente encontraremos falas memoráveis de nomes como Steve Jobs, Martin Luther King, Barack Obama, entre outras personalidades mundiais. Além da capacidade técnica e do carisma desses nomes, a habilidade em se comunicar com o público foi um grande diferencial em suas carreiras. E é esse o perfil de colaborador cobiçado pelas grandes empresas, já que os desafios nessas corporações são constantes, e a capacidade de se expor em público (seja em conferências, seja em reuniões) e ser bem entendido é fundamental.
 
Segundo a consultora empresarial Ana Carolina Verdi, do Cegente, que há mais de dez anos auxilia no recrutamento de funcionários em empresas, o candidato a uma vaga deve mostrar suas habilidades em comunicação oral já durante o processo de seleção. “Nesse momento, existe uma ‘negociação’, já que o candidato tem que ‘se vender’ e a empresa tem que ‘comprá-lo’”, diz. “Então, a habilidade mais importante nessa hora é a oratória, pois, se ele não falar bem, não se expressar, não se fazer entender, a empresa não vai contratá-lo”.
 
A questão é que nem todos nascem com essa capacidade. Entretanto, Letícia Pereira, consultora de língua portuguesa da CCLi Consultoria Linguística, empresa que oferece cursos específicos para comunicação com o público, revela que a habilidade da oratória pode ser aprendida. “Com as técnicas certas, mesmo os mais tímidos podem se tornar grandes oradores e desenvolverem um bom nível de persuasão”, afirma.
 
Foi o caso do consultor de marketing Edson Gatto, que admite que era muito tímido quando jovem e que, por isso, buscou cursos de comunicação. Hoje, ele afirma que utiliza esse conhecimento não só no trabalho, mas também nas questões pessoais. “Utilizo essas técnicas em situações corriqueiras, do dia a dia mesmo, mas é claro que o maior foco é no quesito profissional”, diz. “Hoje, ministro treinamentos e palestras para centenas de pessoas com bastante segurança”.
 
No curso oferecido pela CCLi, o aluno aprende inclusive na prática. “Fazemos a gravação e análise da performance dos participantes, mostrando os pontos fortes e o que é necessário melhorar”, complementa Letícia.
 
Motivos para realizar curso de oratória
 
- Perda da insegurança;
- Aquisição da capacidade de organizar as informações de maneira lógica;
- Garantia da transmissão clara e objetiva da informação;
- Eliminação de vícios de fala e de postura;
- Aprendizado quanto ao melhor uso dos recursos audiovisuais.
 
Serviço
Curso “Como se comunicar com o público”, da CCLi Consultoria Linguística
Dias 24 e 31 de julho, das 8h às 17h
Carga horária: 16 horas
Informações: (17)3222-4026 ou ccli@cclinet.com.br.
Investimento: R$ 560
 

Comente

aprender espanhol Mais notícias

11 agosto

5 motivos para um universitário aprender espanhol

Com o desenvolvimento da América do Sul, o espanhol tornou-se uma língua tão…


Notice: Undefined variable: cacheBlock in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72

Fatal error: Call to a member function end() on null in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72