Novo dicionário compila expressões idiomáticas

Lançamento de livro no CCLi ganha destaque em matéria do jornal Diário da Região, edição de 30 de junho.

Brigar como cão e gato, pegar o boi pelo chifre. Quem acha que essas expressões idiomáticas tão particulares e com referências a animais integram apenas as conversas entre brasileiros se engana. Doutora em estudos linguísticos pela Unesp/Ibilce, Paula Christina Falcão Pastore interessou-se tanto pelo assunto que suas pesquisas deram origem a um livro, cujo lançamento está marcado para a noite de hoje.

“Dicionário Inglês-Português de Expressões Idiomáticas com Nomes de Animais” (HN Editora e Publieditorial) compila informações colhidas por Paula nos últimos oito anos. O tema já a acompanha desde o mestrado e foi aprofundado durante o doutorado.

Na hora de limitar qual seria seu campo de estudo em meio à infinidade de questões que podem ser abordadas no amplo universo das expressões idiomáticas, ela decidiu tratar justo daquelas que envolviam nomes de animais. “Por ser um tema bastante produtivo na língua”, diz.

A obra de Paula compila cerca de 500 expressões. Para encontrá-las, a autora leu – página por página – aproximadamente 25 dicionários de expressões idiomáticas, trabalho árduo, ou, para quem preferir, “difícil pra burro”. Para garantir que as expressões presentes no livro não são arcaicas e continuam em uso, Paula usou também bancos de dados denominados corpus, que reúnem na internet milhares de textos de uma determinada língua. Esses corpus são dedicados especialmente a estudiosos. “A finalidade é de pesquisa linguística.”

A autora realizou ainda parte do trabalho no Departamento de Linguística da Universidade da Califórnia, em San Diego. O ponto de partida de Paula foram expressões em inglês – o americano – que continham menção a animais. Depois disso, a pesquisadora buscou a correspondência em português. Ela encontrou desde expressões que funcionavam quase como traduções literais e outras que não têm uma relação tão perfeita assim. Desse modo, algo dito em inglês e com menção a um animal pode ter uma expressão correspondente em português, mas nem sempre com o nome de algum bichinho envolvido.

Paula, que nasceu em Garça (SP) e atualmente vive em São Paulo, destaca que seu trabalho contempla as expressões idiomáticas, e não outros itens, como gírias e provérbios. Para ela, expressões idiomáticas são fixas, de caráter conotativo e cristalizadas por um idioma por meio da tradição cultural.

Serviço

Dicionário Inglês-Português de Expressões Idiomáticas com Nomes de Animais (HN Editora e Publieditorial, R$ 34,90), lançamento hoje, às 19h30, no CCLi – Consultoria Linguística, que fica na Avenida da Luz, 3.425, Alto Rio Preto
 

Comente

Mais notícias

Fatal error: Call to a member function end() on null in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72