10 palavras francesas muito comuns nos restaurantes

Se você já teve dúvidas ao olhar um menu, conheça o significado de muitos termos franceses utilizados na culinária

Falado por 136 milhões de pessoas em 30 países, o idioma francês está mais presente no nosso dia a dia do que muitos podem imaginar. Para quem é fã do mundo gourmet (olha um termo francês aí), a CCLi traz neste menu (mais uma que vem do francês) o significado de 10 palavras comumente utilizadas em restaurantes que têm raízes francesas.

À la carte: “como está no cardápio” ou “como listado no cardápio”. Um restaurante à la carte é um estabelecimento que trabalha servindo uma variedade maior de pratos e bebidas, todos listados em um cardápio (menu) com os respectivos preços de cada produto;

Couvert: todos os itens, como toalha, pratos, talheres, que são preparados para uma refeição;

Gourmet: conhecedor e entendedor de boas bebidas e iguarias, além de conhecedor de bons vinhos;

Maître: mestre. Nos restaurantes, faz referência à pessoa que agenda clientes e coordena o atendimento para garantir eficiência máxima;

À doré: dourado, tostado. À doré indica que o alimento foi empanado em farinha de trigo, ovo e farinha de rosca, e depois frito em óleo bem quente, para formar uma camada crocante por fora;

À la meunière: forma de preparo de peixes (cozidos na manteiga após serem polvilhados com farinha de trigo). O resíduo que fica na panela é colocado sobre o peixe na hora de servir;

Béchamel: é o mais básico dos molhos brancos, feito com farinha de trigo, manteiga e leite. Acompanha peixes, carnes e legumes e é base de muitos outros molhos, sopas, cremes, recheios e suflês;

Confit: é uma antiga técnica francesa de conservação que consiste em cozinhar e guardar carnes em sua própria gordura. Imaginava-se que cairia em desuso com a invenção da geladeira, mas passou a ser cultuada como receita porque concentra o sabor e dá maciez à carne;

Croissant: é um pequeno pão de massa folhada em forma de meia lua;

Sauté: técnica de fritar rapidamente carnes, legumes ou aves em pouca gordura e em fogo bem alto, sacudindo a panela para que não grudar no fundo.

Comente

aprender espanhol Mais notícias

11 agosto

5 motivos para um universitário aprender espanhol

Com o desenvolvimento da América do Sul, o espanhol tornou-se uma língua tão…


Notice: Undefined variable: cacheBlock in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72

Fatal error: Call to a member function end() on null in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72