CCLi promove palestra sobre Gestão do Conhecimento na Unesp de Botucatu

Evento contou com a colaboração das unidades de Rio Preto e Botucatu da CCLi

No dia 20 de junho, a CCLi Botucatu promoveu uma palestra sobre “Gestão do Conhecimento” na Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB). O público-alvo foram professores e servidores que atuam como gestores na unidade, que tiveram a oportunidade de participar de um evento que tinha como foco principal ajudar os participantes a transformar informação em conhecimento.
 
A capacitação consistiu em dois módulos: “Gestão do conhecimento” e “Dicas para a elaboração de artigos científicos”. Para ministrar as palestras, gerente pedagógica da CCLi, Gabriela Imbernom, e a consultora de língua portuguesa da CCLi Rio Preto Letícia Pereira estiveram na unidade de Botucatu da Unesp.
 
A abertura do evento ficou por conta da diretora da Divisão Administrativa da FMB/Unesp, Rosana M. Alves Barreto Colichi, que falou sobre as atividades e destacou que a proposta do encontro era o desenvolvimento da habilidade de transformar em conhecimento aquilo que fazem de melhor na área de gestão administrativa em uma instituição pública. “Somos uma universidade e temos a missão de gerar conhecimento”, enfatiza.
 
Rosana lembrou que, neste ano, a Unesp Botucatu promoverá o “Prêmio Melhores Práticas de Gestão” e, dessa forma, os servidores e professores poderão escrever projetos sobre práticas de sua área que tenham relevância para a instituição.
 
Após Rosana, foi a vez de Gabriela Imbernom assumir as falas. Ela apresentou aos servidores as práticas de gestão do conhecimento utilizadas na CCLi Rio Preto. Gabriela explicou a importância de se tratar o conhecimento de forma sistêmica e expôs as vantagens que essa prática traz para o dia a dia da empresa. 
 
Sua explanação ainda abordou de que forma é possível organizar o conhecimento por meio de procedimentos, treinamentos, reuniões, grupo de estudos, manuais e artigos científicos. “Além disso, sugerimos algumas práticas de sala de aula que podem ajudar os servidores a construir conhecimento de maneira colaborativa junto a seus colegas de trabalho”, observa.
 
Depois da exposição da gerente pedagógica, Letícia Pereira assumiu a palestra e passou a abordar as etapas que orientam a produção de um artigo científico: a pergunta de pesquisa (questionamento) e a pesquisa teórica (embasamento). “A escolha de uma metodologia adequada para realização da pesquisa é importante, uma vez que ela permitirá a coleta de dados que auxiliarão a resposta à pergunta de pesquisa”, explica. “A partir disso, será gerada uma inter-relação dessas informações – questionamento, teoria e dados – com a finalidade de gerar discussão e, por fim, conhecimento”, esclarece. 
 
Ciência na era da informação
Segundo Letícia, nem sempre as informações encontradas na internet são confiáveis e, muitas vezes, se baseiam somente no empirismo, sem comprovação teórica. “Por isso, a importância de se gerar conhecimento a partir dessas informações. O artigo científico é um meio para materializar e propagar conhecimento”, observa.
 
Rafael Ventrella, diretor da CCLi Botucatu, ressalta que nos dias atuais é muito importante saber como não desperdiçar o tempo e aumentar a produtividade. “A partir do momento em que conseguimos administrar as informações que temos e as que obtemos a cada dia, podemos melhorar consideravelmente nossa forma de trabalho e nossa produção”, afirma.
 

Comente

projeto germinar Mais notícias

23 outubro

Projeto Germinar desenvolve ações com líderes da CCLi com foco em relacionamento humanizado

Líderes da CCLi receberam mentoria do Projeto para desenvolver aptidões de conviv…


Notice: Undefined variable: cacheBlock in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72

Fatal error: Call to a member function end() on null in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72