Língua inglesa deixa de ser diferencial e passa a ser exigência no mercado de trabalho

Fluência em inglês está entre as habilidades e competências exigidas para que um profissional seja considerado qualificado e completo para uma vaga

Há algum tempo, o inglês deixou de ser um diferencial dos candidatos e passou a ser um requisito essencial na hora da contração ou na busca por uma promoção. Pesquisa desenvolvida pela consultoria de recrutamento executivo Robert Half revela que, para 90% das empresas brasileiras de grande porte, o inglês fluente é fundamental na hora de escolher qual candidato contratar.

Contando com a participação de cerca de cem diretores do setor de recursos humanos de empresas do País, a pesquisa aponta que o domínio do idioma é, hoje, mais valorizado que todo tipo de especialização que um profissional possa possuir – incluindo o MBA. “É muito mais rápido e fácil você treinar as capacidades técnicas de um novo funcionário do que esperar que alguém experiente aprenda um novo idioma”, diz o diretor da CCLi Consultoria Linguística, Daniel Rodrigues.

Publicações internacionais também destacam a relevância do idioma. Segundo o The Economist, o inglês é usado, atualmente, como nenhum outro idioma foi usado antes. Mais ainda, o The Wall Street Journal divulgou que o número de pessoas falando o mesmo idioma está aumentando e as pessoas mais jovens buscam uma língua padrão, pois ela é útil no mundo da informação e na sociedade global. “Dominar o inglês, no dias atuais, significa crescimento, desenvolvimento e, acima de tudo, melhores condições de acompanhar as rápidas mudanças que acontecem”, explica Rodrigues.

Profissional globalizado
Independentemente da área de atuação, os profissionais precisam estar em constante busca pela ampliação de seus conhecimentos para, assim, serem profissionais globalizados. “O domínio da língua inglesa é cada vez mais importante em um mercado no qual existe mais empresas internacionais ou com filiais operando fora do Brasil. As pessoas que têm esse domínio são cada vez mais valorizadas e mais buscadas pelos recrutadores”, explica a especialista em recursos humanos Ana Carolina Verdi Braga.

A importância do aprendizado de um idioma estrangeiro também está ligada ao desenvolvimento cognitivo do indivíduo. “Quando se aprende uma nova língua, também se aprende sobre a cultura daquele povo, sobre o respeito às diferenças e sobre a diversidade. Tudo isso são diferenciais na disputa por uma vaga no mercado de trabalho”, diz Rodrigues.

Diferencial
Dominar vários idiomas significa estar conectado em nível global e, assim, conhecer e se comunicar com pessoas de diferentes lugares e países, proporcionando uma ampliação de networking. “Outros idiomas, como o espanhol e o francês, estão ganhando espaço no mundo corporativo e têm sido vistos como diferenciais para qualquer pessoa que almeja sucesso em sua área de atuação”, destaca Rodrigues.

Segundo Ana Carolina, dominar um terceiro idioma também é ter visão estratégica. “Cada vez mais as empresas brasileiras vão necessitar de profissionais com fluência em outros idiomas. Mesmo que não seja uma necessidade imediata para a empresa contratar um profissional fluente em espanhol, por exemplo, isso pode contribuir para o fechamento de futuros negócios”, diz.

Comente

shutterstock_422490445 Mais notícias

01 dezembro

CCLi de férias!

Conheça os horários de fim de ano


Notice: Undefined variable: cacheBlock in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72

Fatal error: Call to a member function end() on null in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72