Luíza dá dicas aos estudantes que querem fazer intercâmbio no Canadá

País norte-americano é destino bastante procurado pelos brasileiros. A jovem que virou meme contou sua experiência vivendo em Ontario

Assim como Luíza Rabello, muitos estudantes brasileiros escolhem o Canadá como destino de intercâmbio. Menos burocracia no processo para tirar o visto e preços menores se comparados aos Estados Unidos são alguns dos motivos que explicam a grande procura.

A estudante paraibana de 17 anos disse ao G1 que passou seis meses “maravilhosos” na cidade de Barrie, que tem cerca de 150 mil habitantes e fica a aproximadamente uma hora de viagem de Toronto, na província de Ontario. Prestes a embarcar em um voo de volta a João Pessoa, ela contou, na noite de sexta-feira (20), como decidiu se mudar para o país, e deu dicas para quem está pensando em passar uma temporada por lá.

Luíza era a única integrante da família Rabello no gélido país norte-americano no dia em que seus pais e irmãos gravaram o comercial que a tornou conhecida nacionalmente. Mas não foi a primeira a conhecer o Canadá. “Meu irmão fez esse programa também, e para ele foi maravilhoso, então eu só repeti”, contou a estudante e agora garota-propaganda.

Morando em uma casa de família, você vive realmente a experiência da cultura”
Embora nunca tenha experimentado a sensação de compartilhar uma residência com outros estudantes estrangeiros, a jovem recomendou a opção “homestay”, em que o intercambista fica hospedado em uma casa de família durante sua estada. “Morando em uma casa de família, você vive realmente a experiência da cultura”, comentou ela. “Quando fica com estudantes, geralmente é sempre intercambistas, então você não vive muito a cultura do lugar. Mas não posso falar porque não fiquei [em residência estudantil].”

A estudante afirmou ter se adaptado muito bem à família que a recebeu. “Eu tinha um ‘hostfather’, uma ‘hostmother’ e uma ‘hostsister’ de 15 anos. Nós éramos bem amigas”, disse.

Gastronomia
Segundo ela, a comida canadense tem “bastante fast-food”, e os restaurantes chineses, muito populares em todas as regiões do país, “são maravilhosos”. Dentro de casa, porém, as refeições não eram muito diferentes. “Minha ‘hostmother’ era colombiana, então era muita comida da Colômbia, como feijão e chilli.”
Luíza não foi ao Canadá apenas para estudar inglês. Seu programa incluiu a frequência em um colégio, onde disse ter feito matérias obrigatórias do currículo brasileiro para poder concluir o segundo ano do ensino médio.

“Minhas aulas começavam às 8h e iam até 14h25. A escola era sensacional. Eu tinha quatro matérias, tive aulas de história, inglês, matemática e biologia.” A jovem afirmou que, além de estudar como aluna regular, a experiência escolar também é uma das melhores formas de se adaptar ao idioma estrangeiro. “Dá para aprender bem o inglês.”

E por falar em aprender bem, outra dica da intercambista mais conhecida do Brasil é que os estudantes optem por passar temporadas mais longas no país de intercâmbio. “Seis meses é curtinho, mas é o tempo determinado para aprender inglês. Acho um mês muito pouco.”

Preço
O governo canadense subsidia o estudo de estrangeiros para aumentar a procura, por isso os cursos chegam a ficar até 30% mais baratos do que os dos Estados Unidos, por exemplo.

Idiomas
No Canadá é possível estudar inglês e francês. Em regiões como Quebec, o idioma é o francês.

Cultura
Assim como o Brasil, o Canadá é um país multicultural, por isso os moradores estão acostumados com os estrangeiros e costumam ser simpáticos e receptivos. “Temos famílias que depois que hospedam brasileiros pela primeira vez não querem mais receber alunos de outros lugares. Eles se identificam com a nossa cultura, até pela questão de futebol e pegam gosto pelo abraço”, diz Debora.

Localização e turismo
O Canadá possui uma das melhores e mais famosas estações de esqui do mundo. No verão, a estação vira pista de mountain bike.

Algumas cidades canadenses, como Toronto, por exemplo, ficam próximas dos Estados Unidos. Os estudantes que optam por fazer intercâmbio no Canadá podem fazer passeios de fim de semana em cidades americanas.

[FONTE: PORTAL G1]

Comente


Fatal error: Call to a member function end() on null in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72