Mercado independente: furada ou sacada?

Nesta sexta-feira, profissionais que escolheram a “independência” na hora de criar e divulgar um projeto comandam bate-papo sobre o assunto no CCLi

Investindo na contramão das grandes empresas, produtores artísticos, músicos, profissionais da comunicação e escritores têm visto no processo independente de produção e divulgação dos seus trabalhos uma forma de se lançar e se manter no mercado. E é com esse tema que acontece o evento Café com Arte nesta sexta-feira (21/10), às 19h30, no Café Falado.

Comandam o bate-papo o jornalista e blogueiro Marcelo Dias, o cartunista Alex Sander e a psicóloga Juliana Bilanchi, que irão falar sobre a carreira, contar como começaram a escrever e fazer sua avaliação sobre o fato de darem acesso a tantas pessoas àquilo que escrevem. “Decidimos trazer para um bate-papo pessoas que se dispuseram a escrever, de alguma maneira, e que usam formas diferentes para divulgar o seu trabalho, deixando de lado as fórmulas estabelecidas pela grande indústria”, explica a coordenadora do evento, Olinda Aleixo.

Com uma ideia na cabeça e lápis na mão, o cartunista Alex Sander, que atua profissionalmente no mundo dos quadrinhos há 12 anos, defende que a produção independente de certos materiais é mais vantajosa do que estar nas grandes editoras. “Como trabalho com tiras de humor, com o cotidiano, a publicação independente me dá mais liberdade para criar e direcionar o material final. Sou o escritor e editor da minha obra”. Alex, que é um dos autores do recém-lançado “Tiras de Letra”, enxerga na internet a possibilidade de ir mais longe e atingir um público maior. “O alcance da internet é fantástico e funciona muito bem para a publicação de tiras”, explica. O cartunista publica material em quatro blogs diferentes, como o www.burraxa.blogspot.com.

O jornalista Marcelo Dias, por sua vez, percebeu no mercado das mídias digitais um novo foco para produzir conteúdo jornalístico voltado para as empresas. “A revolução que a internet trouxe está mudando a forma de atuação do mundo corporativo e, com isso, também muda o papel que o telespectador tem dentro desse contexto”, afirma. Há dois anos, Marcelo investe na prestação de serviços de consultoria e conteúdo para TV web.

Longe dos meios digitais, mas com a mesma escolha, a escritora de primeira viagem e psicóloga Juliana Bilanchi optou pela produção e publicação independente do seu livro por acreditar que era a melhor saída para obter um direcionamento mais satisfatório do material. “Tentei algumas editoras e já estava com o contrato assinado, mas, por conta de alguns entraves, desisti. Quem sabe numa outra etapa?”.

Além do bate-papo, o Café com Arte contará com coquetel. Para participar, é preciso adquirir convite no valor de R$ 25. Os ingressos são limitados. O evento acontece no CCLi Consultoria Linguística, localizado na Avenida da Luz, 3421, Alto Rio Preto.

Comente

projeto germinar Mais notícias

23 outubro

Projeto Germinar desenvolve ações com líderes da CCLi com foco em relacionamento humanizado

Líderes da CCLi receberam mentoria do Projeto para desenvolver aptidões de conviv…


Notice: Undefined variable: cacheBlock in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72

Fatal error: Call to a member function end() on null in /home/cclinet/www/wp-content/themes/ccli/single.php on line 72